Concurso Guarda municipal Maceió AL 2018

Com últimos concursos realizados somente em 2000, o Planejamento de concurso deverá muito em breve ser iniciado, finalmente!

E certamente com ele está a enorme expectativa para que realmente seja realizado o concurso público de Guarda Municipal de Alagoas (Concurso Guarda municipal  Maceió AL 2018). Já anunciado no fim do ultimo ano, pelo Secretário de Segurança Comunitária e Convívio Social de Maceió, o coronel Ivon Berto, o edital será em breve lançado.

Mesmo que ainda não exista um planejamento para a então abertura do edital, o que vem contando é o alto déficit de profissionais, então é bem provável que seja lançado muito em breve.

Concurso Guarda municipal Maceió AL 2018

Déficit no órgão acelera o concurso Guarda Municipal de Maceió AL 2018

O concurso Guarda Municipal de Maceió AL 2018 irá também servir como apoio de repor o alto déficit de profissionais deste cargo dentro do município. Com concursos realizados pela ultima vez em 2000, o município não conta com novas contratações efetivas desde então. Atualmente o quadro de servidores para esta mesma função não conta nem com 750 vagas completas.

Ivon afirmou, em recente entrevista para a TV Gazeta, mais precisamente no dia 19 de dezembro, que o município faz ajustes antes mesmo de lançar o concurso para servir de carência de profissionais. A Guarda conta atualmente com cerca de 700 profissionais, onde são distribuídos entre inspetores, subinspetores e guardas municipais. O secretario ainda disse, que brevemente também serão adquiridas outras conquistas para a mesma categoria, como por exemplo, o Plano de Cargos e Carreira, como também a implantação de um serviço voluntario, mas remunerado e também verba para fabricação de uniformes.

Atualmente uma equipe da própria secretaria está elaborando um projeto, para que possa ser encaminhado ao próprio poder executivo uma solicitação para que seja realmente realizado o concurso publico para a Guarda Municipal, haja vista que o ultimo tenha sido efetuado há 18 anos atrás.

Acesse também:

O concurso em si

O requisito que você precisa preencher para poder concorrer ao cargo de Guarda Municipal também ainda não foi revelado. Porém, o cargo possivelmente terá como exigência nível médio completo, e conhecimentos específicos ou experiência de ao menos 6 meses na função. Se você quer aumentar as suas chances de ser aprovado em primeiro lugar, o ideal é procurar por algum curso online que englobe todas as disciplinas do Edital. No blog Dicas Sobre Concursos o Guilherme Silveira fez uma análise completa falando se o Gran Cursos Online é bom mesmo, vale a pena você dar uma olhada.

O guarda terá de executar tarefas pertinentes à fiscalização de áreas e vigilância, efetuando as rondas e também desenvolvendo trabalhos que sejam de cunho da guarda municipal, como a manutenção da ordem e a promoção da Segurança. Terá de desenvolver serviços como patrulhamento, sempre visando a manutenção da segurança de áreas onde estiver previamente atuando, controlando a movimentação de pessoas, observar, restringir e proibir a permanência irregular, como avaliação de casos duvidosos em conjunto com os demais guardas municipais, colaborando para que ocorra a manutenção e a ordem da segurança.

Dando apoio logístico às ações e também em eventos da própria Prefeitura de Maceió; detectando possíveis anormalidades em instalações prediais, identificando possíveis falhas, verificação de ambiente e terminais de registro, e caso seja necessário intervindo para correção de algum tipo de problema ou como também providenciar algum tipo de socorro quando necessário. Prestação de atendimentos de emergência a funcionários ou integrantes da própria comunidade, atender os visitantes do município, identificar os assuntos, e caso haja a necessidade, encaminhar para os órgãos desejados.

Com certeza uma excelente oportunidade para quem aguarda este concurso há diversos anos! Esteja atento para a abertura do edital e boa sorte!

Acesse outras categorias do site:

 

 

 

Concurso IBGE 2018: tudo o que você precisa saber

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu edital para o ano de 2018, com a oportunidade de mais de 1.400 vagas, para candidatos com nível médio e superior. O Concurso do IBGE prevê a ocupação de cargos para atividades temporárias durante o Censo Agropecuário de 2018, sendo uma ótima opção para quem está em busca de um emprego.

As inscrições para o Concurso IBGE 2018 podem ser feitas entre os dias 26 de janeiro a 22 de fevereiro, através do site da Fundação Cesgranrio (http://www.cesgranrio.org.br). A taxa de inscrição é de R$35,00 para os cargos de Agente Censitário, R$50,00 para Agente Censitário Regional e R$120,00 para Analista Censitário. Os candidatos podem imprimir o boleto diretamente no site, bem como consultar o edital completo. As provas para o Concurso IBGE 2018 serão aplicadas nos dias 10 e 17 de abril.

concurso ibge

Veja também:

Quais as vagas ofertadas no Concurso IBGE 2018?

O Concurso IBGE 2018 oferece 1.409 vagas, sendo que 79 são reservadas às pessoas com deficiência e 172 para candidatos negros ou pardos. Os aprovados no concurso poderão ser contratados ao longo de todo o ano de 2018, com opção de cargos reservas por até 3 anos.
Quem tem Ensino Médio Completo, pode ser inscrever nos cargos de Agente Censitário Administrativo (700 vagas) e Agente Censitário Regional (486 vagas). Além disso, os candidatos devem possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH), categoria “B”.
As vagas para Agente Censitário Administrativo são para as seguintes cidades: Distrito Federal, Rio Branco, Maceió, Manaus, Macapá, Salvador, Fortaleza, Vitória, Goiânia, São Luís, Belo Horizonte, Campo Grande, Cuiabá, Belém, João Pessoa, Recife, Teresina, Curitiba, Rio de Janeiro, Porto Velho, Natal, Boa Vista, Porto Alegre, Florianópolis, Aracaju, São Paulo e Palmas. Já o cargo de Agente Censitário Regional está distribuído em 429 municípios, em quase todos os Estados brasileiros, com exceção do Distrito Federal e Amapá.

Os candidatos com Nível Superior podem se inscrever no cargo de Analista Censitário, com vagas para as cidades do Rio de Janeiro, João Pessoa, Teresina, Rio Branco, Maceió, Manaus, Macapá, Salvador, Fortaleza, Distrito Federal, Vitória, Goiânia, São Luís, Belo Horizonte, Campo Grande, Cuiabá, Belém, Recife, Curitiba, Natal, Porto Velho, Boa Vista, Porto Alegre, Florianópolis, São Paulo, Aracaju e Palmas. A distribuição das seguintes vagas concentra-se:
• Analista de Sistemas para Desenvolvimento de Aplicações (17 vagas);
• Analista de Sistemas para Desenvolvimento de Aplicações Web Mobile (9 vagas);
• Analista de Sistemas para Suporte à Comunicação e a Rede (4 vagas);
• Analista de Sistemas para Suporte à Produção (4 vagas);
• Analista de Sistemas para Suporte Operacional (4 vagas);
• Análise Socioeconômica (12 vagas);
• Auditoria (13 vagas);
• Biblioteconomia e Documentação (4 vagas);
• Ciências Contábeis (3 vagas);
• Design Institucional (2 vagas);
• Engenharia Agronômica (26 vagas);
• Engenharia Cartográfica (12 vagas);
• Gestão e Infraestrutura (78 vagas);
• Jornalismo (16 vagas);
• Logística (2 vagas);
• Métodos Quantitativos (6 vagas);
• Produção Gráfica e Editorial (2 vagas);
• Programação Visual (2 vagas);
• Recursos Humanos (6 vagas);
• Relações Internacionais (2 vagas);
• Relações Públicas (7 vagas);
• Webdesign (7 vagas).

Os aprovados no Concurso IBGE 2018 serão contratados em regime estatuário, com estabilidade e salários que variam de R$3.555,85 a R$7.458,49, dependendo da formação do candidato, o grau de qualificação bem como o cargo escolhido. As vagas para analista de tecnologia podem ter um salário de até R$9.192,88.

Como estudar para as provas do Concurso IBGE 2018?

Não dá pra prever o conteúdo das provas do Concurso IBGE 2018. Contudo, é possível ter uma base de estudos, de acordo com as avaliações dos anos anteriores. Uma dica é focar em materiais específicos, em especial, de Língua Portuguesa, Matemática, Língua Inglesa e Geografia. Também é importante estudar um pouco sobre o IBGE – conhecimentos sobre a Instituição, conceitos básicos da Agência e métodos de trabalho. Para quem tem dúvidas, os temas mais frequentes das provas do Concurso IBGE são:
• Língua Portuguesa: elementos de construção do texto (coesão e coerências), gêneros textuais, interpretação de texto, emprego semântico de vocabulários, campos semânticos, modos verbais, emprego e sentido das classes gramaticais, processos de formação de palavras, mecanismos de flexão de verbos, sintaxe, frase, período e oração, transitividade e regência dos verbos, acentuação gráfica e indicativos de classe.

• Matemática: operações matemáticas básicas (adição, subtração, divisão, multiplicação), conjunto de números naturais, representação de retas, produtos notáveis, equações, sistemas e problemas de primeiro grau, problemas de raciocínio, geometria plana, distâncias e ângulos, geometria espacial, probabilidade, estatística e interpretação de gráficos.

• Raciocínio lógico: noções básicas de lógica, conectivo, estrutura lógica de relações, dedução de informações, estatística descritiva, análise exploratória de dados, probabilidade, inferência estatística, estimação por intervalos, métodos de estimação, testes de hipóteses.

• Língua Inglesa: aspectos lexicais e conhecimento de vocabulário, reconhecimento de estratégias discursivas, aspectos gramaticais, interpretação de texto, uso de condições e pronomes, relações de coordenação, voz passiva, estrutura do discurso direto e indireto.

• Geografia: noções básicas de cartografia e orientação dos planos cardeais, representação de legendas, domínios climáticos, tipos de terreno, natureza e meio ambiente, espaço urbano, conflitos sociais e econômicos, atividades econômicas, conceito de pobreza, problemas sociais, divisão política e administrativa, fluxo populacional, descrição da população brasileira, área de crescimento e perda populacional, estrutura do espaço agrário, políticas econômicas, atualidade, geopolítica brasileira.

Concurso Sefaz SC 2018

Certamente a expectativa é enorme para a realização do concurso público da Secretária da Fazenda do Estado de Santa Catarina (Concurso SEFAZ SC 2018). Por conta de grande numero de cargos ainda vazios, fez com que o órgão esteja já em análise de um possível edital para este ano ainda!

Em 2017, a Secretária já havia falado algo sobre sua intenção em divulgar o edital de concurso SEFAZ/SC, com cerca de 40 vagas, conta com uma necessidade que é muito maior do que as vagas disponíveis.

Através de últimos levantamentos feitos, pela Gerência de Gestão de Pessoas, são cerca de 90 cargos em aberto para Auditor Fiscal da Receita Estadual de nível I. Terão de salário inicial R$ 18.088,22.

Para poder concorrer a uma das concorridas vagas, você terá de possuir diploma, devidamente registrado, como conclusão de curso de graduação de nível superior de licenciatura ou bacharelado em qualquer uma das áreas de formação, e que tenha sido fornecido por instituições de ensinos previamente reconhecidas pelo Ministério da Educação, terá também de ter no mínimo 18 anos, ser brasileiro ou ainda naturalizado e estar em pleno e de acordo com seus direitos políticos e civis como brasileiro.

A Diretoria de Administração Tributária, ainda informou que devida a automatização e também revisão de processos, pode ser que seja responsável pela redução de tal necessidade, o que quer dizer que a ideia atual do órgão é conseguir posicionar seus auditores em setores onde exista realmente a falta de pessoal.

Conteúdo das provas

As matérias que cairão nas provas:

– Língua Portuguesa

– Informática

– Matemática e Estatística Matemática

– Economia e Aspectos da Economia Catarinense

– Direito Civil, Penal e Empresarial

– Legislação Tributária de SC

– Direito Constitucional

– Direto Administrativo

– Direito Tributário

– Contabilidade

Último concurso SEFAZ 2017

O ultimo concurso teve a divulgação de 65 vagas para o cargo de Auditor Fiscal da Receita Estadual, porém do total, somente 45 foram destinadas mesmo ao cargo e 20 para o cargo de Tecnologia da Informação. Foram também reservadas 4 vagas para portadores de deficiência. O salario inicial era de R$ 10.778,00.

Foram aplicadas 3 tipos de provas, onde as mesmas eram compostas por questões de múltipla escolha em áreas de conhecimento específicos e gerais. Para se tornar habilitado, os candidatos precisam ter um total de ao menos 50% de pontos em cada uma das provas, e 60% em um total geral de todas as avaliações reunidas.

Fique ligado para a abertura do edital deste excelente concurso e saia na frente aplicando suas estratégias de estudo! Não perca tempo, não desista, continue sua linha de estudos e seja um dos aprovados deste esperado e concorrido concurso.

Como passar?

Para passar em um concurso tão concorrido como esse é necessário você ter um bom material de estudos. Na internet encontramos diversos sites que fazem avaliações gratuitas sobre os cursos preparatórios. Você pode saber, por exemplo, se o Estratégia Concurso é bom e também opinião sobre outros cursos do mercado.

Deixe abaixo o seu comentário!